Domingo, 15 de Agosto de 2004

Fátima no roteiro Gay

logopusmoinho.jpg


O susto que eu apanhei quando vi a notícia!!!


Pensei que era mais um escândalo de pedofilia ou homossexualidade na Igreja, desta vez na portuguesa.


Afinal, não. Vá lá, estava a vêr que já tinhamos com que entreter as televisões no fim do Verão.


Pronto, ficamos pelas cassetes e respectivas perguntas sem resposta.

publicado por bartsky às 17:47
link do post | comentar | favorito
Sábado, 14 de Agosto de 2004

SA_LAZARENTO

burros.jpg


Como poderão verificar os leitores habituais deste blog, passou a ser impossível colocar comentários directamente.


Coloquei um link para o meu mail e todos os que entenderem comentar poderão utilizá-lo.


Isto devido a um burro, essencialmente atiçado pelo artigo sobre Salazar, que incluia comentários completamente impróprios, demonstrando que, para além de não saber pensar, também não sabe lêr. Ou melhor, ele junta as letras, mas não entende o que está escrito.


O que fica dito não se aplica, obviamente, aqueles que, embora seguidores das teorias e defensores da actuação de Salazar, teceram comentários críticos, à luz das suas ideias, que não perfilho mas, necessariamente, respeito. 


Só me agradou uma coisa: foi ter-me chamado puto. Como há mais de 40 anos que ninguém me chamava puto, fiquei com uma cara de querubim que até dava gosto.


Talvez o moço enervado e irritante consiga entender o que aqui se escreve, quando terminar a escolaridade obigatória: mais 15 anitos...  

publicado por bartsky às 12:31
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 13 de Agosto de 2004

Ele tem que vencer

Office of Emergency Management National Preparedness Month-September 2004


 


Overview
Throughout September 2004, the US Department of Homeland Security, American Red Cross, American Prepared Campaign, the National Association of Broadcasters, the US Department of Education and other partners, will host a series of events to highlight the importance of citizen emergency preparedness.


During National Preparedness Month, coalition partners will promote the basic steps all Americans can take to prepare for emergencies through a variety of activities. You are encouraged to heighten your awareness and preparedness. For a good resource on personal and family readiness, visit www.Ready.gov, or www.OPM.gov. Great information is available and should be accessed to Get a Kit, then Make a Plan and Be Prepared.


Should you have any questions about personal preparedness and also what GSA is doing to help this agency be prepared, contact your regional Emergency Coordinator or the Office of Emergency Management at (202) 501-0012.


We will keep all associates informed as developments occur.


O homem tem que ganhar, nem que tenha de ser ele mesmo a rebentar umas bombas... 


 

publicado por bartsky às 11:33
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

O carácter do homem

bushsuckerpunch.gif


Não é montagem, é mesmo o Bush early years e foi publicada no Los Angeles Times de 9 de Agosto, com base nos registos fotográficos de Yale.


Como se vê, o gosto pela cacetada já vem de longe.


Quando fizer anos vou-lhe enviar uma moca de Rio Maior, para o ajudar a resolver os "problemas" da democracia e da liberdade.


In: WWW.THISMODERNWORLD.COM

publicado por bartsky às 11:23
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 12 de Agosto de 2004

IRAQUE 4 - PORTUGAL 2

{72328D68-9D63-4C27-96ED-C3D45A34D357}.jpg


O jogo Portugal-Iraque nos jogos olímpicos levanta-me algumas questões.


1ª O Iraque não é aquele país invadido ( perdão, ocupado) ( perdão, libertado ) pelos americanos ( perdão, pela coligação, da qual Portugal faz parte ). E que se encontra em guerra e parcialmente destruído, há mais de um ano?


2ª  Estes moços, à beira de um ataque de nervos, não eram os mesmos que no aeroporto diziam que eram candidatos a uma medalha olímpica? ( Só se fôr de cortiça, e uma para cada um, e grossa ).


3ª Não foram alguns destes rapazes que escavacaram um balneário em França? ( facto que os dirigentes desportivos lusos consideraram como próprio da juventude).


4º Aqueles tipos todos aos berros pelo Iraque eram figurantes contratados ou eram mesmo os iraquianos bombardeados e esfomeados? 


Perante isto, no meu delírio habitual, surgem-me respostas tão estúpidas como o jogo a que acabamos de assistir.


Afinal, a guerra psicológica que mantemos com os nossos governos, é mais destrutiva do que as bombas do Bush ( perdão, da coligação )


Algum velho ressabiado deve ter dito aos jogadores que é falta de educação destruir balneários em caso de vitória: ora, assim, não tem piada e os rapazes desmotivam-se.


Atendendo à proporção de assistência lusa e iraquiana, será que um governo português destrói economicamente mais um país do que uma invasão com guerra? Pronto, lá estou eu com esta da invasão...


A selecção é o espelho do país: luta-se pouco, trabalha-se menos e confia-se demasiado nos milagres da Fatinha ( não, não é na Fátima Lopes, é naquela ali ao pé de Leiria ).


Fiquei enrubescido!!!

publicado por bartsky às 21:47
link do post | comentar | favorito

Sem comentários

In " notícias do Sapo"


 Trabalhadores portugueses ganham menos 2.500€/ano que os gregos.


 Os trabalhadores portugueses recebem em média cerca de 13.500 euros anuais de vencimento bruto, menos 2.500 euros do que os gregos e cerca de um terço do que os britânicos, revela um estudo do Governo suíço divulgado quarta-feira.


 Segundo o documento, elaborado pelo instituto federal de estatística helvético, os trabalhadores suíços são os mais bem pagos entre os 27 países analisados, com um vencimento médio anual bruto de quase 50 mil euros. Portugal surge na 19ª posição, atrás de países como o Chipre, a Grécia e Malta. Isto apesar de o salário médio anual português ter aumentado em perto de mil euros entre 2000 e 2002.


 Os trabalhadores portugueses são mais bem pagos do que os seus colegas de Leste, mas estes países têm também um custo de vida claramente inferior ao do nosso país.


Os salários portugueses são inferiores ao de países com elevadas taxas de desemprego, caso da Espanha (18 mil euros/ano), Finlândia (28 mil euros/ano) e Alemanha (39.500 euros/ano).

publicado por bartsky às 18:33
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 11 de Agosto de 2004

Darfur! E os outros?

sudan_jul04.jpg


 O que se passa em Darfur é mais um sintoma da insanidade contemporânea.


Mas ocorre-me uma pergunta: se em vez de os autores do martírio serem árabes fossem cristãos, a pressão internacional teria a mesma intensidade?


É que lembro-me de outros cenários de atrocidades como a Palestina e os vários campos de refugiados pelo mundo, sem que surjam ultimatos tão veementes.


Ou a fragilidade do Sudão dá outro à vontade?

publicado por bartsky às 16:44
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Urbanismos

Nascer do Sol.jpg

Olha para esta imagem.
Agora olha pela tua janela e entenderás uma das razões da tua infelicidade...
publicado por bartsky às 15:58
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Terça-feira, 10 de Agosto de 2004

Salazar ressuscitando


salazar_main.jpg



Lá tenho que interromper a badalhoquice para falar sério, mas o assunto merece-o. Pronto, já sei, de vez em quando sou dado a estas fragilidades…



 Vem isto a propósito de um novo(?) blog que apareceu este mês no blogspot dedicado a Salazar. Não, não é à Ana das modas, é mesmo ao dito António Oliveira.               


 Sou de esquerda, sempre fui, mesmo antes de 74. Por isso, ou também por isso, sempre considerei, e persisto nessa ideia, que Salazar teve uma enorme estreiteza intelectual e falta de criatividade na condução deste país.


Não me refiro a aspectos como a polícia política ou a persistência numa guerra historicamente condenada, porque esses são traços"folclóricos" da ideologia que seguia. Refiro-me em concreto à falta de vontade de fazer crescer a economia, de desenvolver o povo, enfim, a tudo aquilo que se manifesta no facto de, no momento da sua morte, sermos o povo mais pobre da Europa. E isto apesar de sermos "donos" das celebérrimas provínvias ultramarinas: sendo que pelo menos uma delas era um manancial de enriquecimento possível.


 Considero-o responsável por perfilhar a ideia de país tipo sacristia, atrasadinho quanto baste para não pensar, vivendo na ilusão de que as fronteiras são eternamente estanques.


 Mas, apesar de tudo, os governantes da democracia acabaram por me levar a um atenuar das minhas posições que, como se vê, são críticas. É que, e já o disse no meu blog, estes senhores não só não são mais criativos como, ainda por cima ficam muito longe da honestidade de Salazar.


 Ainda por cima, com as suas atitudes, estão a criar espaço para um dia destes, face ao descrédito na democracia, aparecer aí um grupelho qualquer de extrema direita disfarçado de partido, a obter algum sucesso eleitoral.


 Honre-se a memória do homem, não se achincalhe, sobretudo por aqueles que não lhe chegam aos calcanhares, mas transformá-lo em ídolo é um erro intelectual e histórico. Sobretudo agora que a livre circulação de informação e de ideias nos permite ver o que faltou a esse homem e aqueles que servilmente o rodeavam, apresentá-lo como ídolo a um povo de memória curta e a jovens que nunca tiveram de perspectivar a certeza de lhes meterem uma arma na mão para irem defender as tais “ províncias ultramarinas “, é um acto de cretinice.


 Agora que o afastamento temporal já nos permite alguma clarividência, ressuscitar Salazar é prova de mediocridade intelectual ou má vontade, ou ambas.


 Mas realmente, com governantes competentes como os que temos tido, abrem-se as portas para a erupção de tudo quanto é estúpido.


 Para aqueles que não entendem que são concepções paralíticas como as de Salazar as responsáveis por termos uma economia anã e um povo com um défice flagrante de formação cívica. E claro, como consequência, temos os governos a condizer.


publicado por bartsky às 20:02
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quinta-feira, 5 de Agosto de 2004

Yaris todo terreno

yar_02_im.jpg

Esta, se não tivesse visto na SIC, não acreditava.


 É que hoje nem é o 1 de Abril.


 Então não é que houve um xulo, daqueles que ganham ordenado pago pelos nossos impostos, que alugou Toyotas Yaris, daqueles da instrução, sim, daqueles citadinos, para fazerem vigilância florestal.


 E parece que o tipo do rent a car ainda disse para não os encherem muito de pó!!! Mas será que este país se passou?


 Por este andar, ainda lhes arranjam trotinetes, daquelas para os putos brincarem.


 Olhem, sabem que mais? Ainda bem que vou de férias, para fora do país, porque um dia destes ainda ia bater à porta do Sobral Cid para me internarem: é que estou a começar a pensar que os tipos que estão lá dentro faziam um figurão na política e na administração pública. Pelo menos não destoavam.


E sabem que mais? Quero que o gajo que alugou os Toyotas ( de certeza a um amigo ) vá à merda. Só espero que lhe arda a casa, como tem ardido a tanto desgraçado que não tem dinheiro nem forças para limpar o terreno à volta da casita.


 Vou-me embora, para ver se descanso a cabeça, que estes chulos da merda não me dão descanso.


 P.S. Depois disto, nem imaginam a boa vontade com que pago impostos para sustentar estes lorpas vigaristas.


Toyotas Yaris? Só me faltava mais esta!!!

publicado por bartsky às 21:38
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. Novidades

. ...

. Actualização

. Ser português

. ...

. Este blog já não mora aqu...

. Aniversário

. Bom fim de semana

. Sempre

. Este blog já não mora aqu...

.arquivos

. Março 2006

. Janeiro 2006

. Novembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds